Bandeira Brasil

0
Bandeira Brasil

A bandeira do Brasil consiste em um retângulo verde com uma proporção de 7:10. Acima deste retângulo, há um losango amarelo, e dentro deste, um círculo azul com uma faixa branca contendo o lema “ORDEM E PROGRESSO” (“Ordem e Progresso” em português) em verde, assim como 27 estrelas brancas.

A bandeira atual do Brasil tem origem na bandeira do Império do Brasil desenhada em 1822, cujos símbolos representavam as famílias reais de Bragança e Habsburgo, às quais pertencia a primeira casa imperial.

O disco azul da atual bandeira representa o céu sobre o Rio de Janeiro na manhã de 15 de novembro de 1889 (data da proclamação da República do Brasil). É mostrado como visto de fora da esfera celestial. Cada uma das vinte e sete estrelas representa um dos diferentes estados e o Distrito Federal. O número de estrelas tem variado ao longo da história à medida que novos estados foram criados, a partir dos vinte e um originais.

A estrela que representa o Distrito Federal é Sigma Octantis, cuja posição a torna visível em todo o país durante todo o ano, e devido a sua localização, o resto das estrelas representadas na bandeira parecem girar em torno dela. A estrela do estado do Pará aparece acima das outras porque na época da independência era a província mais setentrional com a capital, Belém, perto da linha do Equador (os estados de Roraima e Amapá, que agora estão mais ao norte, foram criados durante o período republicano).

A estrela solitária no topo da esfera é Spica (Alfa de Virgem) e tem um duplo significado na bandeira: o primeiro é mostrar que o Brasil ocupa territórios em ambos os hemisférios (norte e sul); o segundo é uma referência à agricultura, já que a deusa grega Demeter (Ceres aos Romanos) foi representada segurando um grão na mão (Spica, em latim). Spica também foi ligada à descoberta da precessão dos equinócios pelo grande astrônomo Hiparchus de Nicaea (190-120 AC), uma das maiores descobertas da astronomia na antiguidade.

O Crucero (Cruzeiro do Sul) é uma lembrança do primeiro nome dado ao Brasil pelos portugueses: Terra de Santa Cruz. Ela ocupa o centro da esfera, pois no dia da proclamação da República, esta constelação passou sobre o meridiano da cidade do Rio de Janeiro (o meridiano do lugar ou linha do meridiano é a linha imaginária que passa por ambos os pólos e pelo zênite e separa o hemisfério leste do oeste).

Abaixo do Cruzeiro Sul, à esquerda, pode ser vista a estrela Canopus da constelação Carinae. Canopus lembra a lenda dos Argonautas, e foi colocado para simbolizar as viagens dos exploradores portugueses durante o período das grandes navegações.

Deixe uma resposta